quinta-feira, 14 de abril de 2011

Recife 14 de abril de 2011





Meu Amado Caio ,



Finalmente encontrei tempo para te escrever tenho tanta coisa para falar-te  que não sei por onde e nem como começar você sabe melhor do que eu, tem coisas que são difíceis de serem ditas e de serem compreendidas, mas deixa depois conversamos melhor sobre essas minhas angustias, vamos falar de você, o meu intereçe nesse momento é saber como você está e como anda as coisas por ai.
Espero que neste lugar onde vivés no momento esteja melhor do que por aqui , pois sinto muitíssimo em lhe dizer  mas desde que você viajou as coisas só tem piorado, nossas músicas e poesias não são mas as mesmas ... nossos sonhos, lutas e ideais, não fazem mas sentido, aqueles nossos pensamentos de que o mundo precisa de homens e não de hérois são jugados insanos , pois os tempos mudaram. o Héroi de hoje é um cara que veste terno e usa gravata, exerce surpreendente poder sobre as mentes das pessoas, sem ezitar te falo , ele é o senhor dos tempos . É meu caro, acho que você não deve estar me entendo, não é mesmo ?? vou tentar ser um pouco mais clara ao falar, falo do Neoliberalismo, Capitalismo, acho que você não conhecia esse termo ainda, mas é esse danado que governa tudo hoje, ele é o herói de todas as histórias e lamentavélmente de sonhos tambem.
Ele está em tudo, imagina que até nos Sonhos o bendito está. Lembra quais eram os nossos sonhos ?? de minha parte lembro bem, nossos sonhos eram parecidos tinhamos o mesmo fascínio por borboletas, elas sempre apareciam não era mesmo ??  sem falar daqueles chás e cafés que tomariamos juntos em uma casa de campo ou de praia , casados , sim casados, mas sempre amigos , pois nosso sonho de construir uma família sempre esteve presente, e confesarvamos um para o outro:''nunca me separarei de você'' , porque eramos amigos, irmãos, completavamos não porque eras a minha outra metade, pois não gostavamos de metade. Mas  porque erás o meu tudo infinitamente, nunca te deixaria pois você era o meu eu fora de mim, e riamos. Riamos, acho que já sabiamos que seria quase que impossivél isso acontecer , mas improvavél ainda de acontecer era os idéais que defendiamos  inspirados nos pensamentos do nosso querido Marx, lamentável que todas as suas profecias estavam corretas , e que inevitavélmente faz parte da minha realidade, mas carrego sempre comigo aquela palavrinha que você adorava susurrar aos meus ouvidos , quando te contava as minhas angustias, lamentando debruçava-me em lagrimas, quase cortando os pulsos de tanto desespero, você calmamente, lucidamente me dizia:  ''ESPERANÇA ... ESPERANÇA'' e repetia dizendo que ela era a unica coisa que ninguem tiraria de mim, e que só ela era capaz de mim tirar da lama. E eu te olhava com aquela cara de que '' é, ele tem razão'', e voltava-m
e a encher de ESPERANÇA. Mas pensando bem era você que tinha esse poder de me fazer sempre acreditar que ela era capaz de verdadeiros Milagres , sim era você.  Confesso: Era você que me fazia crer nela.
Mas uma vez voltamos a falar de mim, de como sou fraca, carente e insegura, do quando fantasio as minhas ilouquências e dificuldades. Sabe, utimamente venho desejando muito viajar para esse lugar onde você se encontra ando passando por momentos muitos difíceis de serem suportados, aquelas pensamentos não saem da minha cabeça, eu sei que passou, pois lembro bem de suas palavras lucidas e claras: ''Se tudo passa isso tambem passará'' mas acontece que hoje esses pensamentos estão me torturando a cada dia mais não tenho mas forças para lutar contra eles. Como sempre ando chorando muito, sofrendo muito também. Ando mau, mau pra caralho não consigo me envolver com ninguem, você sabe o envolvimento de que falo, e sabe da minha Timidez . é , ainda não consegui me disfazer dela, mas sabe que ela me traz uma coisa boa ?! me faz lembrar você cantando loucamente: ''Mas na verdade nada esconde essa minha Timidez '' e me dizia que aquela era a minha música ... e como mas uma vez contra a minha vontade minhas Bochechas ficavam rosadas eu até tentava disfarçar mas você sabia que quando elas ficavam vermelhas era um indício nitído de minha Timidez.
Sabe , as pessas não imaginam o que ando passando, mas pra mim é indiferente , pois ninguém poderia me ajudar mesmo. Afinal não existe remédio para o esquecimento, seria inútil compartilhar com elas ... só você me entende, estou com tantas saudades, acho que ela tem uma percela de culpa nessa minha tristeza. Você não veio mais me visitar , ando sem ter com quem conversar, disabafar sabe ? adoro quando convesarmos enquanto durmo, alívia um pouco da Saudade que sinto de você, me faz uma falta incalculável, te peço encarecidamente: Por favor, não me abandona venha me buscar, te espero anciosamente mas, se infelizmente não dê para vim me pegar me manda nóticias ao menos, tenho estado muito preocupada com você. sim, não esqueça, não esqueça nunca: Que te espero.
Fica bem e se for possivél me manda um pouco daquelas suas maravilhosas ESPERANÇAS por que no momento estão me faltando.

Te beijo e te abraço com muito amor e carinho ,
Sua amiga





Karen

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O sonho de toda palavra é sentir o que tenta explicar.